Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

02 Ago, 2021

Viveiros de ostras

Esta foto mostra viveiros de ostras, na costa de Cancale, em França. Conhecida como a capital da ostra da Bretanha, esta área de 7,3 km produz cerca de 25.000 toneladas de ostras por ano. Fonte da imagem: Maxar  
03 Mar, 2021

A lagoa Hutt

A lagoa Hutt é um enorme lago cor de rosa no oeste da Austrália. A sua cor deve-se a um tipo específico de alga - a Dunaliella salina - que cresce na água. A lagoa contém a maior "fábrica" de produção de microalgas do mundo, onde as algas são cultivadas para obter o seu beta-caroteno e, em seguida, usadas como um agente corante de alimentos e fonte de vitamina A em outros produtos. Esta lagoa também fornece um abastecimento comercial de Artemia (camarão de salmoura) que é uma (...)
22 Dez, 2020

Aquacultura em Java

As explorações de aquacultura são visíveis ao longo de grande parte da costa da albufeira da Barragem de Saguling, em Java Oeste, Indonésia. Localizado na cabeceira do rio Citarum, o objetivo principal da barragem é a produção de energia hidrelétrica, mas também fornece água para piscicultura em tanques-rede e para a irrigação de arroz. O rio Citarum está listado como um dos rios mais poluídos do mundo, principalmente devido à contaminação da indústria têxtil indonésia. F (...)
Galiza, Espanha 42.576312, -8,859047   Cultivo de mexilhão na Ria de Arousa estuário salino na costa da Galiza. Jangadas flutuantes têm o viveiro, onde os moluscos crescem em cordas até terem o tamnho suficiente para serem colhidos. A produção de mexilhões prosperou aqui porque há uma concentração geralmente alta do fitoplâncton na água, proporcionando aos mexilhões uma boa dieta rica em proteínas.
Sonora, México 28,587724637 °, -111,732473079 °   As piscinas do camarão estão situadas na costa de Sonora, México. Nestas lagoas os crustáceos são criados, até terem tamanho comercial, com metodologia estatística avançada e dietas ricas em proteínas.
Uma equipa de investigadores do Departamento de Biologia e Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM) da Universidade de Aveiro (UA) desenvolveu uma terapia amiga do ambiente que permite descontaminar as águas provenientes das pisciculturas, o que futuramente poderá eliminar a necessidade de utilizar vacinas e antibióticos, o que melhora a qualidade dos peixes de viveiro. A (...)
Existem vestígios de utilização de antibióticos em vários projectos de aquacultura de 11 países diferentes, de acordo com um estudo de Hansa Done e Rof Haden, do Instituto de Biodesign da Universidade Estadual do Arizona, Estados Unidos. É sabido que os antibióticos não desaparecem de um dia para o outro, e a sua utilização excessiva pelas populações humanas e animais (...)
Há muito que a aquacultura – ou processo de produção de vida marinha, como peixes, moluscos, crustáceos, répteis ou anfíbios, em ambientes controlados, para uso do homem – é praticada: os primeiros registos datam de há 4.000 anos, no Egipto, com a tilápia-do-Nilo. Ainda assim, só nos últimos anos o processo se democratizou e se espalhou por todo o mundo, de forma a tentar contornar o decréscimo intenso dos stocks de peixes. Japão, China ou França são alguns dos países (...)
Até pode ser impressão nossa, mas há algo de terrivelmente insustentável nas fotos deste artigo sobre as cidades flutuantes chinesas. Construídas para servir a gigante indústria da aquacultura – que valerá qualquer coisa como €32 mil milhões – estas cidades são feitas de madeira e são propriedade dos pescadores. Estas fotografias foram tiradas na Baía de Luoyuan, na província de Fujian e, como pode ver, pouco espaço há disponível no mar. Atrás destas ilhas flutuantes (...)