Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

As operações de mineração de lítio são visíveis no Salar de Uyuni, o maior e mais alto deserto de sal do mundo, na Bolívia. A superfície branca ao redor dessas lagoas de evaporação é a cor natural das salinas. O lítio é um metal alcalino reativo usado principalmente para criar baterias de íões de lítio, que alimentam tudo, desde smartphones até veículos elétricos. O processo de mineração começa com a perfuração e bombeando água para buracos nas salinas para (...)
Lagoas de evaporação de água salgada cercam Areia Branca, uma cidade costeira perto do extremo nordeste do Brasil. A Areia Branca é um dos centros de produção de sal mais importantes do país, com um rendimento médio anual de 5,5 milhões de toneladas — cerca de 98% da produção total do Brasil. O sal recolhido aqui é usado em milhares de produtos diferentes, incluindo alimentos, cosméticos e produtos químicos industriais. Fonte da imagem: Maxar
Esta imagem mostra lagoas de evaporação, nas Minas de Potássio Intrepid perto de Carlsbad, Novo México, EUA. Estas minas produzem muriato de potássio e sulfato de potássio de magnésio, dois sais minerais usados em fertilizantes. O sal é seco nestas enormes lagoas solares após ser bombeado para a superfície a partir de salmouras subterrâneas. A água dos tanques é tingida com cores vibrantes para reduzir o tempo de cristalização do potássio - a água mais escura absorve (...)
O alumínio é o terceiro elemento mais abundante na crosta terrestre, mas não ocorre naturalmente como metal. A primeira etapa na produção de alumínio é a extração de seu minério - bauxite. A Mina de Bauxite de Paragominas, no Brasil, produz mais de 5 milhões de toneladas (4,5 milhões de toneladas) de bauxite por ano e representa uma das maiores reservas do material no país. -3,245423 °, -47,702873 ° Fonte da imagem: Maxar
O Projeto de Energia Solar Crescent Dunes perto de Tonopah, Nevada, usa 17500 espelhos heliostáticos que recolhem e concentram a energia térmica do sol para aquecer o sal derretido que flui através de uma torre de energia solar de 160 m de altura. Nesta imagem, tirada durante a sua construção em 2015, pode ver-se o sal fundido no seu centro, o qual depois circula da torre para um tanque de armazenamento, onde é usado para produzir vapor e gerar eletricidade. Num relatório recente, a (...)
A exploração dos recursos naturais pode afetar de forma muito negativa o ambiente, são exemplos: • degradação da paisagem (“quando for esventrada a céu aberto a montanha barrosã.”); • poluição atmosférica; • perda de biodiversidade; • contaminação do solo e dos recursos hídricos; • …  
O Concentrador Solar Gemasolar em Sevilha, Espanha, têm 2650 espelhos heliostáticos que concentram a energia térmica do sol para aquecer o sal derretido que flui através de uma torre central de 140 metros. O sal fundido circula então da torre para um tanque de armazenamento, onde é usado para produzir vapor e gerar eletricidade. No total, a instalação substitui aproximadamente 30000 toneladas de emissões de dióxido de carbono por ano.   Fonte da imagem: DigitalGlobe
OS VERANEANTES CHINESES QUE FREQUENTAM UMA PRAIA DE ALGASTodos os anos, desde 2007, os habitantes da cidade costeira de Qingdao são presentados com uma invasão de algas na sua costa. Ninguém sabe ao certo de onde aparecem as algas, mas a verdade é que os banhistas parecem não se importar em mergulhar neste tapete ver pegajoso.  Em 2013, o New York Times escreveu um artigo onde indicava que as quintas de porphyra, um género de alga vermelha utilizado na cozinha oriental, atraiam (...)
Em maio de 2015, o Governo de Porto Rico começou a racionar a água na zona mais populosa da ilha, no lado leste, algo inédito nos últimos 20 anos. Carraizo, a maior reserva da ilha e que serve parte de San Juan, a capital, decresceu 5,4 metros nos últimos meses, pelo que, para a maioria dos 160.000 habitantes e negócios da ilha, a água é desligada durante 48 horas, reposta (...)